terça-feira, 14 de outubro de 2008

WTF?

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.
Seguindo o clima do WTF-Brasil dos melhores causos, resolvi postar um de ontem.

Estava eu, instalando uma atualização do linux que uso em casa, quando um vizinho me chamou para ver o computador dele. Tá, faz uns anos que não falo com ele, então fui lá ajudar na boa vontade.
Mas enquanto a gente ia conversando, ele insistia em falar que eu entendo de computador e coisa e tal; só que eu cursei Ciências da Computação, curso superior, bacharelado, porr@! Mas vai enfiar na cabeça do dito cujo salsinha que não fiz curso técnico em computação, nem manutenção de computadores.

Chegando lá, beleza. Parece que todos os aparelhos que precisam de fio terra, tem fio terra. Mas daí eu vejo o computador, parecia um daqueles comprados nos super/hiper-mercados da vida. Nada contra, pra salsinha tá ótimo. Aí eu tento ligar o dito e cadê o plug? Ah, perdido no meio da fiapera. Básico, pensei comigo. Mas olho para baixo e vejo uma fonte de notebook. Aff foi a única coisa que pensei e achei um plug e coloquei na tomada.

Já estava tão cabreiro que nem percebi que era o plug da impressora. O vizinho então me mostrou a gambiarra com o plug da fonte. Depois de tudo ligado na tomada, algumas tentativas frustradas de ligar o computador e apertadas nos cabos, o computador ligou.
Mas o vizinho continuava dizendo que o computador não funcionava direito. Dã, monitor desligado. Resolvido esse problema, ele se enrola todo para dizer que quria que eu transferisse as fotos de uma câmera digital e de um celular. E eu, cabreiro mas mantendo a calma, olho para baixo no rack do vizinho e vejo uma etiqueta no gabinete:

blá, blá da etiqueta...
Sistema Operacional: Ubuntu X.XX (não lembro a versão, mas devia ser Hardy Heron)
mais blá, blá da etiqueta.

AH, M*RDA! O cara tira linux e me bota um XPirata?! O cara gasta fundos e mundos com home theater (eu vi quando entrei na casa), me compra um computador de liquidação e me bota SO pirata? aff... E pra completar ele queria imprimir as fotos de 1,87 MB cada em papel fotográfico numa impressora que só presta pra papel sufite. E que mais mastigava que imprimia, ou melhor, só mastigava. Tudo bem, o conjunto era um kit para navegar na internet, mas devia ter no máximo 3 meses. Detalhe, não era possível conectar na internet, pois não tinha linha por perto.

Tinha mais coisas, mas o nível de salsinha no local já estava na estratosfera. Fiz o que pude e jurando que só repetia aquilo se me pagassem... bem! É muito sofrimento.



Ps.: Eu sei que tirar linux e colocar XPirata é muito comum. Mas ter dinheiro para um home theater gigante e usar produto pirata no computado de liquidação é o que me faz não acreditar nesse país.

Nenhum comentário: